Técnico + Médio
Técnico aos Sábados
Técnico Noturno
Curso Técnico em Análises Clínicas

A criação do Curso Técnico em Análises Clínicas vai ao encontro de uma demanda crescente do setor por profissionais qualificados e prontos para atuar nos diversos setores e fases dos exames laboratoriais. Capacita o aluno para trabalhar na área da saúde, principalmente em laboratórios, pois prepara o profissional para diagnosticar os mais variados tipos de doenças a partir de análises minuciosas, podendo atuar também como responsável pela coleta de sangue em exames.

Ao longo dos 15 meses de realização do Curso Técnico em Análises Clínicas o aluno irá adquirir conhecimentos e experiências multidisciplinares para atuar nas análises de urinálise, parasitologia, bioquímica, hematologia, microbiologia e sorologia.

Áreas de Atuação

Laboratório de análises clinicas e diagnósticos médicos; Hospitais; Hemocentros; Indústria de cosméticos; Industria alimentícia; Indústria farmacêutica; Laboratórios veterinários; Laboratório de Toxologia; Laboratório de pesquisas biomédicas; Laboratório de controle de qualidade; Laboratório de microbiologia de alimentos.

Principais Atividades

O Técnico em Análises Clínicas atua em todas as fases dos exames laboratoriais. Ele deve saber operar os equipamentos necessários e também lidar com o público, uma vez que pode ter contato direto com os pacientes.

Dentre as funções exercidas, podemos citar:

  • Coleta de sangue;
  • Realizar testes de laboratório;
  • Conduzir exames, sempre levando em consideração as orientações médicas;
  • Manter o paciente orientado sobre o processo que está sendo feito;
  • Auxiliar no diagnóstico de doenças;
  • Manusear e garantir o funcionamento dos equipamentos do laboratório.

 

A importância do Técnico em Análises Clínicas

O técnico em Análises Clínicas é primordial dentro de um laboratório, devendo ser um profissional com conhecimentos científicos, capacitação técnica e habilidades para tratar junto aos pacientes, à coleta, preparo e processamento das amostras biológicas.

Deverá ser pautado dentro dos mais altos padrões de qualidade e dos princípios éticos, tendo em conta que a responsabilidade da atenção à saúde não se encerra com o ato técnico, mas sim com a resolução do problema de saúde, na compreensão da realidade social, cultural e econômica.

A capacitação profissional deve estar alicerçada no desenvolvimento de competências para o exercício do pensamento crítico e juízo profissional, boa comunicação oral e escrita, organização, dinamismo, habilidades para trabalhar em equipe, segurança, humildade e profissionalismo. O profissional deve ser habilitado para trabalhar com as recentes inovações tecnológicas e científicas disponíveis para o segmento.

O técnico em Análises Clínicas tem um grande contato com o paciente, pois é ele que realiza as coletas, o que geralmente é um processo incômodo para o paciente, por ser invasivo e, desse modo, o profissional possui um papel importante de humanização do atendimento. Sendo um dos componentes essenciais para a saúde pública, tendo em vista que cada profissional possui a sua importância na construção de uma saúde (pública e privada) melhor para a população, o papel do técnico em análises clínicas deve contribuir para o bem comum da sociedade.

Competências e Habilidades

O ICT forma o técnico em Análises Clínicas para ser extremamente preciso e disciplinado em seu campo de atuação. Devem promover o gerenciamento de equipamentos de laboratório delicados.

Estes profissionais precisam ser lógicos e precisos, demonstrar curiosidade nas áreas de medicina, ciência e tecnologia.

Como os laboratórios geralmente contam com diversos equipamentos de informática, os técnicos de laboratórios precisam ser capazes de usar computadores e equipamentos de última geração, e estar antenado em novas tecnologias. Também atuam diretamente nos sistemas de informática.

Perfil Profissional do técnico formado pelo ICT

Técnicos operam máquinas que analisam mecanicamente amostras, organizam materiais biológicos coletados. Atuam também organizando soluções padrão que envolvem a medição e a mistura da quantidade correta de diversos produtos químicos para uso no laboratório.

O técnico em Análises Clínicas, colabora com demais laboratoristas e interage com profissionais de áreas afins, informando sobre casos de notificação junto a vigilâncias de saúde e secretarias ligadas a esta área.

Este profissional, hoje em dia, atua diretamente com equipamentos de ponta e de tecnologia extremamente avançada.

Atua nas áreas de parasitologia, imunologia, microbiologia médica, hematologia, bioquímica, biologia molecular e urinálise.

O Técnico em Análises Clínicas domina conteúdos e processos relevantes do conhecimento científico, tecnológico, social e cultural. Executa atividades padronizadas de laboratório necessárias ao diagnóstico, nas áreas de parasitologia, microbiologia, imunologia hematologia, bioquímica, biologia molecular e urinálises. Realiza implantação de novas tecnologias biomédicas, como automação laboratorial, executa ações de rotina de trabalho em laboratório de análises clínicas. Recepciona o cliente à execução de exames laboratoriais nas diversas amostras biológicas, nas atividades de auxilio diagnósticos. Aplica técnicas adequadas de descarte de fluidos e resíduos biológicos e químicos.

 

Matriz Curricular

  • Anatomia;
  • Bioquímica;
  • Biossegurança;
  • Controle de Qualidade;
  • Fundamentos de Citologia, Histologia e Genética;
  • Hematologia;
  • Imunologia;
  • Introdução à Análises Clínicas, Ética e Legislação Aplicada
  • Matemática Instrumenta;
  • Microbiologia;
  • Parasitologia Clínica;
  • Patologia;
  • Primeiros Socorros;
  • Projeto;
  • Técnicas Laboratoriais;
  • Urinálise.

 

Horário

  • Segunda-feira a Quinta-feira 18h45 às 22h

 

Coordenação

  • Profª Dion da Silva Lucas